Protagonistas de documentário encontram-se pela primeira vez



Dona Josefa, Madá e Dona Ana, protagonistas do 5.º episódio do “IFB no AR”, encontram-se nesta quarta, 19, pela primeira vez.


O encontro aconteceu na Roda de Conversa, um subevento do ConectaIF 2022, que vem promovendo debates de curta duração com temas como o papel da juventude no combate à crise climática e o protagonismo feminino no IFB.


O bate-papo — que levou o mesmo nome do documentário — “Mãos que Transformam”, contou a história de três mulheres que, com mais de 40 anos, procuraram o Instituto Federal de Brasília e mudaram o rumo de suas vidas, usando suas próprias mãos para transformar suas histórias e de tantas outras pessoas.


Dona Josefa fez vários cursos no IFB Campus São Sebastião e hoje tem um espaço terapêutico, onde recebe visitas e comercializa chás e plantas medicinais para todo o Brasil e até para outras partes do mundo. A Madá, que fez o curso Técnico em Agropecuária no IFB Campus Planaltina, hoje é produtora rural e extrativista, sendo referência internacional em frutos do cerrado. E a Dona Ana, que após fazer o curso de Panificação e Confeitaria no IFB Campus Riacho Fundo, produz pães artesanais deliciosos, feitos com fermentação natural.


O público, de aproximadamente 30 pessoas, se emocionou com as histórias das egressas do IFB, tão inspiradoras e carregadas de resiliência.


“Vim para a cidade, mas a roça não saiu de mim. Mudei para São Sebastião e fui fazer o curso de extensão, sem escolaridade alguma. Hoje eu tenho uma profissão, minha plantação, minha logo e minha marca”, diz a Dona Josefa.




24 visualizações

Posts recentes

Ver tudo